Muitas pessoas nos perguntam porque optamos por viajar sozinhos ao invés de participar de excursões.

As duas opções possuem vantagens e desvantagens. Sem dúvida nenhuma viajar com excursão nos dá maior segurança, afinal teremos guias à disposição, as vezes falando em português!, translado e transportes já contratados, passeios e hotéis já programados. Basta ir até uma agência e contratar o pacote. Ainda tem a vantagem de fazer amizade com a turma que está viajando junto de nós.

O que eu considero como desvantagem em um pacote turístico é que devemos obedecer o cronograma estipulado pela operadora, seus dias e horários, podendo acontecer de ficarmos muito tempo num local que não achamos interessante ou pouco tempo num local onde gostaríamos de ficar mais.

Por sua vez, o turismo independente lhe dá a liberdade de planejar o próprio cronograma. Permite curtir melhor cada local visitado, ficando o tempo que julgar necessário. Viajar dessa maneira também é mais barato, pois alguns serviços oferecidos pelos pacotes não existirão, como por exemplo, um guia à disposição, um ônibus fretado pra te levar aos locais de interesse. Em contrapartida, você interage com a população local, faz amizades internacionais, utiliza o transporte público, vivencia muitas outras situações que o pacote não lhe oferece, mesmo normalmente tendo um dia livre para fazer o que quiser.

A desvantagem, se é que podemos assim classificar, é que exige bastante planejamento e controle orçamentário, além de um pouquinho de sorte, pois alguns serviços só podem ser contratados via internet, e sabemos que existe o risco de comprar gato por lebre.

Porém, um ponto merece bastante atenção: as viagens nacionais, em especial as viagens de ecoturismo.

Nós já fizemos muitas trilhas por conta própria, se embrenhando sozinhos no meio do mato para alcançar cachoeiras lindíssimas. Depois de algum tempo e certa experiência adquirida, percebemos que para este tipo de passeio a contratação de alguém especializado é muito importante.

Imprevistos podem acontecer. Uma torção no pé, uma queda, um simples mal-estar, ou até mesmo uma chuva forte no meio do passeio acaba criando situações em que não estamos preparados para resolver.

Acompanhados por equipe especializada, teremos a certeza de que nosso passeio se pautará pela segurança.

Pense nisso quando planejar sua próxima viagem de ecoturismo.

A ideia do Blog Turismo Independente é divulgar os locais para onde viajamos, sejam viagens longas ou curtas, nacionais ou internacionais. Além dos relatos do dia-a-dia, pretendemos compartilhar as situações inusitadas, discas de locais para visitar (e evitar), dicas de hospedagem etc.

Muitas fotos serão postadas para despertar aquela vontade de viajar.

Um abraço

faleconosco@turismoindependente.com.br