Sardenha, a joia do Mediterrâneo

Postagem patrocinada.

A Sardenha é a segunda maior ilha do Mediterrâneo e faz parte do território italiano. É uma região principalmente montanhosa, porém sem picos altos e com um amplo e encantador ambiente natural, onde parece que a presença do homem não afetou o território.

Suas superfícies ainda preservam sua composição natural, madeiras luxuriantes com árvores milenares, pequenas áreas desérticas e pântanos habitados por veados, cavalos selvagens e uma diversidade de aves.

A costa da Sardenha, com mais de 1800 quilômetros, é em sua maioria formada de regiões rochosas, mas escondem praias maravilhosas de areia branca, baías e pequenas ilhotas, que atinge seus visitantes com contrastes naturais, com as luzes e as cores de uma região que possui antigas tradições e uma natureza selvagem e pura.

Sardenha - Cala Sisine

Sardenha – Cala Sisine

Na costa centro-leste da ilha, alternando praias baixas e penhascos inacessíveis com vista para um mar turquesa que se estende por quilômetros, encontram-se ovelhas selvagens, burros e javali vagam livremente na floresta de árvores de morango, secretamente observados pela águia real, que habita os picos mais altos. No Golfo de Orosei, estão extraordinárias praias de areia branca e uma natureza selvagem. Muitas cavernas e enseadas são o destino de turistas que desejam descobrir visões e sensações sem precedentes; cenários naturais onde o tempo parece ficar quieto.

Sardenha - Pedra Lunga

Sardenha – Pedra Lunga

No Planalto de Baunei, esperam por você canyons como Gorropu, penhascos de calcário íngremes e Su Sterru, o famoso abismo de Golgo, um gargalo natural de quase 300 metros de profundidade. Na floresta, perto do Golgo, prepare-se para intensas horas de caminhadas para alcançar o esplendor de Cala Goloritzé, uma rochosa e deslumbrante baía turquesa e outras enseadas menos conhecidas ao longo do Selvaggio Blu, uma das trilhas pedestres mais desafiadoras e cênicas da Itália.

banner-mundo4u

Santa Maria Navarrese

Cidade base para explorar o Planalto de Baunei, onde você ficará encantado pelas ruas românticas perto da costa delimitada por água turquesa, com bancos que convidam a contemplação.

A igreja de Santa Maria de Navarra, que data do século XI, e a torre espanhola, construída no século XVII para proteger a costa, representam a memória histórica da cidade. Sob a sombra de pinheiros e dominados pela torre, o terraço com vista para o golfo oferece uma vista encantadora sobre a marina. A lenda atribui o nome da igreja antiga à princesa de Navarra, que ordenou a sua construção para expressar sua gratidão à Virgem Maria.

Cala Mariolu

Uma verdadeira joia no Golfo de Orosei, na costa centro-leste da Sardenha: uma pequena enseada acolhedora com seixos cor-de-rosa e branco que o recompensa abundantemente depois de uma caminhada pela natureza selvagem ou uma viagem de barco.

Sardenha - Cala Mariolu

Sardenha – Cala Mariolu

Sua paisagem é impressionante, com seus infinitos tons de azul, verde esmeralda e céu azul, bem como seus seixos que se assemelham a flocos de neve. O penhasco que o circunda alcança um ponto alto de 500 metros e olha para o mar tanto para o norte como para o sul, tornando Cala Mariolu acessível por terra apenas através de uma trilha de trekking desafiadora através de densa floresta mediterrânea.

Você poderá vislumbrar golfinhos por todos os lados de vez em quando. Fora da água, poderão ser vistos o falcão peregrino e o falcão Eleonora e a águia dourada.

Nas proximidades existem inúmeras cavernas, como a encantadora Grotta del Fico. Durante a sua viagem ao longo do golfo, há outras pequenas enseadas para não perder: Cala Goloritzè, a esplêndida Cala Sisine e Cala Biriola e uma das praias que simbolizam o Mediterrâneo, Cala Luna, a meio caminho entre o país e o território de Dorgali.

Cala Goloritzè

Uma praia pequena, mas deslumbrante, na base de um profundo e agradável barranco, localizada na área de Ogliastra, é uma das mais fotogênicas desse tipo. Não é acessível de carro ou de barco, apenas através de caminhada. Suas águas possuem tons inacreditáveis de azul e verde.

Sardenha - Cala Goloritzè

Sardenha – Cala Goloritzè

Cala Sisine

Um canto virgem do paraíso e uma preciosidade, não apenas de Ogliastra, mas de toda a costa oriental da Ilha: o brilho da luz solar na água contribui para dar a esta localização uma aura encantadora que atrai visitantes de todas as partes do mundo.
Com aproximadamente 200 metros de largura, olha para as falésias de Serra Ovra que ficam a 500 metros de altura e com vista para o mar. É limitada, quase encurralada, por penhascos rochosos, enquanto o desfiladeiro é coberto pela vegetação centenária.

Sardenha - Cala Sisine

Sardenha – Cala Sisine

As águas são de uma cor turquesa cintilante devido ao jogo da luz solar refletido sobre ela. O fundo do mar consiste de grãos de areia limosa e pedras arredondadas.

Pode ser alcançada através de barcos ou a pé, ao longo de trilhas de trekking demarcadas.

Grotta del Fico

Em princípio, você estará envolto pela escuridão, então, à medida que avançar gradualmente, você verá diante de seus olhos um lugar em que o tempo parece ter parado 800 mil anos atrás, quando os primeiros salões da caverna Grotta del Fico foram formados. Estalactites, estalagmites e colunas de diferentes tamanhos e cores cercam todas as paredes da caverna, criando formas curiosas. Um sistema de túneis e passarelas permitirá que você caminhe ao longo do leito fóssil de um rio antigo. A rota penetra profundamente na terra, escavada pela água, dentro dos penhascos escarpados com vista para o mar do Golfo de Orosei.

Sardenha - Punta Salinas

Sardenha – Punta Salinas

cala goloritzè

cala luna

gorges gorruppo

cala mariolu

punta salinas

Monte Oro

Conheça esses e outros encantos da ilha da Sardenha com a Rodapé Turismo & Aventura.