Carnaval em Capitólio-MG

Substituindo a folia pelo Mar de Minas.

Capitólio, cidade mineira às margens do Lago de Furnas (também conhecido como Mar de Minas por causa de sua imensidão), há alguns anos vem se consolidando como um dos principais destinos turísticos do Estado.

Por diversas vezes adiamos uma viagem à cidade, muito em função da relação Tempo disponível x Distância x Clima. Mas uma hora tinha que acontecer, e foi no Carnaval de 2017.

Escolhemos a cidade de São João Batista do Glória para nos hospedarmos. Os preços estavam consideravelmente mais baixos do que nos poucos hotéis onde ainda havia disponibilidade em Capitólio.

Dica: reserve com bastante antecedência sua hospedagem em Capitólio.

São João Batista do Glória, ou simplesmente “Glória”, também possui muitos destinos turísticos, e alguns dos destinos citados em diversos sites estão geograficamente no Glória e não em Capitólio, como o Paraíso Perdido, por exemplo.

Para quem gosta de pesquisar tudo pela internet, vai precisar usar o telefone para consultar muitos preços de hospedagens, pois apenas os maiores estabelecimentos possuem website e e-mail. A maioria dos hotéis menores e pousadas usam a internet para divulgar o número de telefone. Alguns ainda possuem conta no Facebook e negociam por lá.

banner-mundo4u

Nossa reserva na pousada Recanto do Lora foi feita através da agência Quilombo Turismo. Fizemos contato procurando informações sobre passeios, mapas dos atrativos etc e a Maria José, bastante prestativa, nos ofereceu também várias opções de hospedagens, muitas delas sem website, apenas fotos no próprio site da agência.

Quando ir

Indubitavelmente, a melhor época para visitar destinos com cachoeiras e piscinas naturais é durante os meses de calor (a partir de setembro até abril).

Entretanto, está também é a época das chuvas. Entre os meses de janeiro e fevereiro deve-se tomar bastante cuidado com as trombas d’água, ou cabeça d’água, que são formadas por causa das chuvas nas cabeceiras dos rios.

Normalmente as trombas d’água pegam os turistas de surpresa, pois não está chovendo no local e de repente vem uma imensidão de água arrastando tudo que existe pelo caminho.

Veja este vídeo postado no Youtube:

Locais com infraestrutura possuem monitores de turismo equipados com rádio e que avisam aos visitantes para deixarem o local em caso de trombas d’água.

Como a região é repleta de trilhas que levam às cachoeiras sem nenhuma infraestrutura, nesses casos não haverá nenhum aviso ou prevenção. Antes de visita-las, procure informações com os locais.

banner-turismo-mondial-15off

A época de seca é entre maio e setembro, porém a águas fica mais gelada e durante a noite a temperatura pode cair abaixo dos 10ºC.

Nossa chegada em São João Batista do Glória

Saímos de casa na sexta-feira “de Carnaval” por volta das 18h, chegando no Glória por volta das 22:30h. Estrada tranquila. O único ponto com trânsito foi na Rod. Dom Pedro I, ainda em Campinas, por ser horário de saída do trabalho. No mais, é uma reta só até Arceburgo/MG, onde deixamos a MG-449 e pegamos a MG-491 (aqui o acesso pareceu um pouco confuso pela falta de placas indicativas e também por ser de noite).

O GPS nos indicou o caminho por dentro da cidade de Passos/MG (mais curto e sempre pelo asfalto), mas em algum momento ele se perdeu e obtivemos informação num posto de gasolina.

Na pousada Recanto do Lora fomos recebidos pelo Tadeu, um dos proprietários. A gestão da pousada é familiar, e eles não medem esforços para que a gente fique bem à vontade.

Pousada Recanto do Lora

Pousada Recanto do Lora

Pousada Recanto do Lora

Pousada Recanto do Lora

Pousada Recanto do Lora

Pousada Recanto do Lora

Conversamos um pouquinho com o pessoal da pousada e depois fomos repousar o esqueleto para os passeios do dia seguinte.